As grandes mentiras da mídia

A imprensa tupiniquim, especialmente rádio e televisão estão fazendo um terrorismo barato e chulo com a obesidade como se ela fosse um dos “cavaleiros do apocalipse”. A plateia (ou patuleia) que assiste na televisão ou ouve no rádio as matérias fajutas que falam dos riscos da obesidade e que usam números inflados, pensam que o mundo vai acabar por causa dela, mas se fosse assim a humanidade já estaria extinta há milênios. Houve época em que os magrelos eram discriminados ao extremo; mulheres magras não conseguiam sequer um marido e o mundo não acabou por causa disso.

O terrorismo ou bioterrorismo interessa muito para diversos segmentos. O terrorismo armado interessa a governos como o norte-americano que conseguem manter a hegemonia explorando o medo, enquanto o bioterrorismo interessa às indústrias farmacêuticas e alimentícias que lucram fabricando porcarias que não servem para nada, mas fazem promessas mirabolantes e possibilitam um faturamento altíssimo com eles.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s