Os “supostos” servidores públicos

Todos os trabalhadores remunerados pelo erário público são empregados do povo brasileiro, sendo denominados servidores públicos, aqueles ocupantes de cargos públicos de provimento efetivo por meio de concurso público e regidos pela lei 8112/90, o Regime Jurídico Único dos Servidores Públicos da União, Estados e Municípios, ou então são chamados de empregados públicos os contratados mediantes aprovação em processo seletivo e amparados pela Consolidação das Leis do Trabalho.

Também são servidores públicos os políticos eleitos para mandatos, os empossados em cargos de confiança e os nomeados para os tribunais superiores, que não passam por nenhum tipo de processo seletivo ou concurso público, sendo suas escolhas baseadas unicamente em amizades, conveniências ou dívidas políticas de eleitos para cargos majoritários.

Basicamente, TODOS os empregados sustentados pelos impostos arrancados do contribuinte estão a serviço do povo e tem como obrigação moral e funcional, a defesa intransigente dos interesses dos cidadãos que lhes pagam os salários, mas não é isso o que está acontecendo nesta republiqueta de bananas.

Os ministros dos tribunais superiores, escolhidos de acordo com a simpatia ou o compromisso de servilismo (capachos assumidos) dos desgovernantes, pouco se importam com aqueles que os sustentam com o dinheiro arrancado por meio dos impostos inustos e inúteis e se vendem à um governo corrupto, sujo e ilegítimo como os de Lula e Dilma.

O país está no fundo do poço. A inflação corroendo os salários. A corrupção e a roubalheira destruindo todas as instituições e tem ministro do STF, do STJ, juntamente com o procurador da república Rodrigo Janot que, após sua recondução ao cargo, mostrou sua verdadeira identidade funcional, a de PAU-MANDADO GERAL DA REPÚBLICA, fazendo tudo o que é ilícito, podre, sujo e crimonoso para livrar a cara da presidenta incompetenta e salvar a pele do Lula, a pior desgraça que já pisou no solo do planeta.

O socialismos, nome bonito para disfarçar o verdadeiro regime – COMUNISMO – só criou caos, miséria, mortes, corrupção, tiranias, por todos os lugares onde se infiltrou. O regime é tão horroroso que o povo do leste europeu não quer nem ouvir na palavra comunismo ou socialismo, que os escravizou durante 72 anos, até se extinguir sozinho, caindo de podre com o desmoronamento da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas. Os poucos países que se mantém neste regime são governados por tiranos loucos, paranóicos e megalomaníacos que fazem de seus povos meros escravos, objetos de realização de seus egos.

Em Cuba, Coreia do Norte, Vietnã, Camboja e outros, as crianças são obrigadas a se prostituir para não morrerem de fome e ajudarem a sustentar suas famílias. Quem duvida, digite na caixa de buscas do YouTube a frase em inglês child brothels, que traduz-se por bordel ou puteiro de crianças e assista aos documentários que aparecerão na tela, denunciando os horrores da prostituição infantil, que alimenta a pornografia infantil na Internet.

É inaceitável advogados que chegam aos mais altos postos nas mail altas cortes de justiça brasileiras fecharem os olhos para as desgraças legadas pelo comunismo. Ou nunca estudaram história ou são cúmplices dos comunistoides safados que estão tentando tomar o Brasil de assalto.

Criem vegonha na cara, senhores paus-mandados. A história e o contribuinte hão de colocá-los em seus devidos lugares. Quando a história apontar seu dedo frio para os senhores e declará-los traidores e perjuros, vossos filhos, netos e bisnetos serão os herdeiros de vossas desgraças e de vossas infâmias e carregarão a vergonha de serem vossos descendentes.

Pensem bem, a escolha é dos senhores: escolham entre a glória e o reconhecimento eterno do povo brasileiro, ou a desgraça, o escárnio e o ódio do povo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s