Estelionatários usam cartórios de SP para aplicar golpes

Uma quadrilha de estelionatários tem usado cartórios de títulos paulistas para aplicar golpes em todo o País. Seria apenas um trote por telefone não fosse o grande número de pessoas, empresas e até um tabelionato que já caíram na cilada. Só o 1º Cartório de Títulos de São Paulo recebe, em média, cem ligações por mês de vítimas do golpe do protesto de título. Continuar lendo Estelionatários usam cartórios de SP para aplicar golpes

Planalto paga pesquisa sobre trunfos eleitorais de Dilma

Compatriotas, será que temos que pagar por isso? Essa idiotice será paga com verba de publicidade que vem do orçamento da União, ou seja, será pago com dinheiro do contribuinte. Isso não é interesse público e não trará benefício algum ao cidadão brasileiro que paga imposto e sustenta esta corja de bandidos e seus parasitas dos ditos “programas sociais” no poder. Essa pesquisa é de interesse único do PT e de sua quadrilha que deseja se perpetuar no poder. Nas próximas eleições, expulsemos esta quadrilha de bandidos do poder, não votando em políticos ligados ao atual governo. Acorda Brasil! Leia aqui

[Voltar]

Cap. Jair Bolsonaro: os militares deviam ter matado os perseguidos políticos

Para o Deputado Federal pelo Estado do Rio de Janeiro e Capitão do Exército Brasileiro, os militares deviam tem matado José Genuino, José Dirceu, Lula, Dilma Rousseff, Tarso Genro, Márcio Moreira Bastos, Carlos Minc e outros que, segundo ele, não passam de assassinos, terroristas, sequestradores, estupradores, assaltantes de bancos, quartéis, residências e casas de armas e ladrões do erário público. Continuar lendo Cap. Jair Bolsonaro: os militares deviam ter matado os perseguidos políticos

Em texto, PT se diz vítima de ‘guerra de extermínio’

Extermínio tardio. Os atuais líderes do PT, principalmente os autointitulados “perseguidos políticos”, deviam ter sido, como disse em discurso no plenário da Câmara dos Deputados o deputado Cap. Jair Bolsonaro, em 10 de fevereiro de 2010, (assista o discurso aqui) executados, de fato e de corpo, durante a ditadura militar, pois não teríamos hoje, a corrupção e a degradação moral, social e política que o Brasil vive. Viva o Brasil e morte ao PT! Continuar lendo Em texto, PT se diz vítima de ‘guerra de extermínio’